Projeto Pesquisa em Quadrinhos desenha o artigo “Rituais de memória e temporalidade num Dia de Finados”

Por Fabiana Gillet

O projeto Pesquisa em Quadrinhos foi criado com intuito de tornar pesquisas científicas mais acessíveis às pessoas. Ele resulta de reflexões e discussões entre nós, membros da KB Assessoria e da linha de pesquisa Comunicação e HQ: consumo e convergências narrativas do Grupo de Pesquisa em Propaganda e Publicidade, Fabiana Gillet, Karol Barbosa e Marcus Dickson.

Acreditamos e defendemos uma ciência acessível, que além de estar ao alcance das pessoas também precisa ser compreensível, pois é através do desenvolvimento e compartilhamento de todo conhecimento que ocorrem as verdadeiras mudanças no mundo. 

A linguagem em quadrinhos por sua característica mista (linguagem verbal e não verbal) oferece uma gama variada de possibilidades criativas para expressar ideias, e por que não para expressar conceitos científicos? Também é uma linguagem compreendida pela maioria das pessoas por ser, a priori, um tipo de narrativa mais popular, as famosas tirinhas estão presentes desde o jornal até a sala de aula nos livros didáticos. Sendo parte de nossas experiências enquanto leitores e pesquisadores, os quadrinhos apareceram como opção natural para materializar um desejo em comum: tornar a ciência mais acessível.

Os episódios são publicados no perfil da KB Assessoria no Instagram (@kbpesquisando) onde também é feito convite para leitura dos artigos, em que disponibilizamos o link para acesso à publicação. Os artigos não são fechados a uma área de conhecimento específica e nem são produzidos por motivação financeira, há uma troca com os autores dos artigos em que sinalizamos o interesse em produzir o quadrinho e vice-versa.

O projeto já conta com cinco episódios. O último foi baseado no artigo “Rituais de memória e temporalidade num Dia de Finados” dos professores Dr. Fábio Castro e Dra. Marina Castro, coordenadores do SISA-UFPA e pode ser conferido no perfil @kbpesquisando, assim como os anteriores.


A seguir, o Cadernos do SISA publica o Episódio 5 do Projeto Pesquisa em Quadrinhos:

Para referir este artigo: GILLET, Fabiana. Projeto Pesquisa em Quadrinhos desenha o artigo “Rituais de memória e temporalidade num Dia de Finados”. In: Cadernos do Sisa. Publicado a 24/03/2022. Disponível em: https://sisa.hypotheses.org/?p=245

Populações tradicionais na Amazônia

O curso que ofereço no Ppgcom, neste semestre será ministrado juntamente com o Prof. Jax Pinto, da UNIFESSPA e também com importantes convidados, Flávi Ribeiro, integrante da Associação de ribeirinhos da Ilha Sirituba, Jorge Neri e Jeni Almeida, camponeses do Assentamento Palmares II; Tamires Cardoso Teixa, coordenadora de Programas Comunitários da Associação de Moradores e Produtores do Quilombo de Abacatal; Atanagildo de Deus Matos, o Gatão, integrante do Conselho Nacional das Populações Extrativistas; Cacique Cátia Cilene, da Aldeia Akrâtikatêjê da matriz Gavião e de outros que ainda virão se somar nós.

No Programa, alguns tópicos igualmente muito importantes para pensar a Amazônia: Mapas antropológicos, históricos e literários das populações tradicionais da Amazônia; Histórias de vida e saberes ribeirinhos; Campesinato de fronteira e estratégias de reprodução social na Amazônia; Diálogos entre saberes tradicionais e vida urbana amazônica; Saberes das populações extrativistas e seu papel na preservação ambiental; Narrativas de vida e experiências dos povos indígenas na Amazônia; Saúde e comunicação da Amazônia: Experiências tradicionais e enfrentamentos da pandemia; Memória social das populações atingidas por barragens; Modos de habitar e de desabitar na Amazônia: práticas residenciais e expurgos territoriais; Saberes alimentares amazônicos, etc.

Inscrições para alunos da UFPA até 6a-feira e para ouvintes até a semana que vem.